Tibagi

Sabe aquele lugar que você sempre pensou em ir, mas sempre deixou em segundo plano? Pois é, sempre tive vontade de conhecer o Cânion Guartelá, mas sempre haviam outros planos e outros locais para conhecer e visitar e fomos deixando.

No feriado de outubro resolvemos que era hora de conhecer! Segundo a dica de uma pessoa que já havia ido até lá, o bacana era conhecer o Cânion por Tibagi. Então fomos para lá.

Chegando em Tibagi, fomos procurar um hotel, porque para variar, fomos “na loca” sem reservar nada. Achamos o Hotel Itagy e eu já gostei de cara. Já conto para vocês.

Bem, deixamos a mala e saímos para conhecer o Salto Santa Rosa, que fica em uma propriedade particular e tem que pagar para entrar, são R$ 5,00 por pessoa. Você estaciona dentro da propriedade e pode visitar o Salto e o Minimuseu que estão montando. Para chegar ao salto, você anda por cerca de 1 km, passando pelo rio. A água estava muito barrenta no dia em que fomos, pois a chuva não estava dando muita trégua naqueles dias.

A vista do Salto é linda, vale muito a pena conhecer.

tibagi1 tibagi6 tibagi5 tibagi4 tibagi3 tibagi2

Nesta propriedade tem um museu, na verdade ele ainda está sendo montado, mas as peças que estão ali fazem valer a pena a visita.

tibagi7 tibagi9 tibagi8

Saindo dali, fomos conhecer o Salto Puxa-Nervos… não  sei bem  porque  deram esse nome, mas eu fiquei apreensiva com a ponte que  a  gente tem que passar para     chegar  no   Salto.  Meu  filho   e   meu  marido,    adoraram,  foram  se balançando, só atravessei depois que eles saíram de lá, rsrssr.

O Salto Puxa-Nervos também fica em uma propriedade particular, fui bem tranquilona (até chegar na ponte) e na volta quase morri de medo das vacas… sim, das vacas. Gente, não sou do tipo rural não, adoro uma cidade grande. Daí saindo toda feliz do mato, depois de conhecer o Salto e me deparo com uma vaca me encarando e meio que veio correndinho para o nosso lado. Sério, fiquei com medo, meu marido riu muito, só me senti segura quando atravessei a cerca e fechei a trinca. Sei lá né, vai que a vaca invoca comigo e corre atrás de mim. Já fiquei imaginando eu correndo da vaca e meu marido e meu filho filmando e rindo (sim, eles fariam isso com certeza). Enfim, tudo deu certo no final de contas. Esse Salto é tão bonito quanto o outro, a trilha estava bem escorregadia por causa da chuva, então fui com calma para não cair de novo.

tibagi10 tibagi12 tibagi11

Não me arrependi de ter ido até lá, embora a estrada estive um lamaçal só. Se você resolver conhecer o Salto, dá para ir aos dois no mesmo dia, bem tranquilo. Eles ficam bem pertinho um do outro, mas recomendo que vá em dia com sol e que a semana não tenha sido chuvosa, caso contrário, o ideal é ir de caminhonete de preferência com tração nas 4 rodas, para não atolar.

tibagi13

Depois dali voltamos ao hotel para descansar um pouco. Ficamos no Hotel Itagy, uma delícia de hotel, um lugar gostoso, bonito e aconchegante. Atendimento de primeira, recepção, gerente e os donos do hotel que são uma simpatia só. Resolvemos jantar ali também, o cardápio estava muito apetitoso e a carta de vinhos não me deixou sair dali.

tibagi14 tibagi19 tibagi18 tibagi17 tibagi16 tibagi15

Deixe uma resposta